São Paulo fatura R$ 2,2 milhões graças a Thiago Mendes

Quase dois anos depois de vender Thiago Mendes para o Lille por R$ 34 milhões, o São Paulo vai embolsar nos próximos dias mais R$ 2,2 milhões. Tudo porque o time francês garantiu classificação para uma competição europeia na próxima temporada - o acordo entre Tricolor e Lille previa um bônus de € 500 mil para o caso de vaga na Liga dos Campeões ou Liga Europa.

A duas rodadas do fim do Campeonato Francês, o Lille é vice-líder, com 72 pontos - somente o PSG está na frente, com 88 pontos. Primeiro e segundo colocados da Ligue 1 carimbam passaporte para a Liga dos Campeões.
 
O Lille tem seis pontos de vantagem para o terceiro, o Lyon. Mas ainda que perca os dois jogos que restam e veja seu rival somar duas vitórias, o Lille ainda teria a seu favor o saldo de gols, primeiro critério de desempate na França. O Lille tem 32 gols de saldo, contra 18 do Lyon.
 
Ainda que caia para a terceira posição, o Lille ainda garantirá ao São Paulo os € 500 mil porque estará na Liga Europa. Até o quarto colocado do Campeonato Francês disputa a segunda competição mais importante no Velho Continente, ainda que passando por uma qualificatória antes da fase de grupos.
 
Reviravolta total: Há exatamente um ano, o Lille chegava para as duas rodadas finais do Campeonato Francês correndo enorme risco de rebaixamento. “E, se o time tivesse caído, era grande a chance de o Thiago Mendes voltar ao São Paulo”, revela um dirigente tricolor.
 
Era o próprio Thiago Mendes quem coordenava o retorno ao Morumbi, ciente da mudança radical pela qual o Lille precisaria passar se jogasse a segunda divisão francesa. Acabou que o time escapou da queda na última rodada e o volante permaneceu para a atual temporada.

Este artigo foi analisado e verificado data 15/05/2019 Categoria: Esporte e Jogos por meio de: Sugerir uma correção

São Paulo fatura R$ 2,2 milhões graças a Thiago Mendes