Principal narrador da Band, Téo José é dispensado pela emissora após 12 anos

Principal narrador da Band, Téo José é dispensado pela emissora após 12 anos

Em crise, a Band segue com sua política de cortes que atinge todos os departamentos, e acaba de dispensar mais um nome importante do seu casting de profissionais: Téo

Leia tudo


Em crise, a Band segue com sua política de cortes que atinge todos os departamentos, e acaba de dispensar mais um nome importante do seu casting de profissionais: Téo José.

De acordo com o colunista Flávio Ricco, o narrador, que após a morte de Luciano do Valle, em 2014, assumiu o posto de principal voz das transmissões esportivas da Band, deixou a emissora após 12 anos. O canal havia iniciado uma negociação para renovação de contrato com Téo em outubro, mas com a saída dos diretores Marcelo Meira e Diego Guebel, que tinham uma relação mais próxima com o narrador, a extensão do vínculo tornou-se complicada.

A decisão de não renovação foi tomada na noite desta quarta-feira (31), quando a Band, representa por Juca Silveira, se reuniu com Téo, e optou pela sua dispensa. “Agradeço a oportunidade de ter feito tudo isso. Mas mais que isso, por ter feito todo este trabalho com resultados, informações importantes e qualidade. O sentimento do dever inteiramente cumprido”, declarou o narrador, que antes de chegar à Band, em 2006, teve passagens pela Manchete, SBT, PSN e Rede TV!.

A saída de Téo pode ser um indicativo de a Band não deve mesmo se acertar com a Globo para dividir as transmissões da Copa do Mundo na Rússia, e até mesmo perder os direitos da Liga dos Campeões, torneio que vem sendo uma das maiores audiências da emissora. Isso representaria um baque gigantesco para o canal, que praticamente encerraria um segmento que foi seu carro-chefe durante muito tempo: as transmissões de futebol.