OAB e Instituto Vladimir Herzog vão à ONU contra Bolsonaro

A OAB e o Instituto Vladimir Herzog denunciarão o governo de Jair Bolsonaro à ONU por suposta apologia à ditadura, diz Jamil Chade, no UOL.

O ato deve ocorrer na próxima terça-feira, dia 10, em uma intervenção diante do Conselho de Direitos Humanos.

Não é a primeira vez que a OAB e o instituto recorrem à ONU contra Bolsonaro. Em março, a decisão do presidente de celebrar o golpe de 1964 também foi alvo de uma manifestação.

Tanta espuma tem causado preocupação no Itamaraty, que teme um boicote ao discurso de Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU, como registramos mais cedo.

Autoridades e instituições que mais colaboraram na luta contra a corrupção no Brasil nos últimos anos estão cercadas. SAIBA MAIS
você pode gostar também