O “triste fim” de Raquel Dodge

O procurador Vladimir Aras comentou o protesto de seus colegas da PGR, que se demitiram depois que Raquel Dodge resolveu blindar Rodrigo Maia e o irmão de Dias Toffoli.

Ele disse para o Estadão:

“Entendo o sentimento que motivou esses valorosos colegas a dizer um basta. Eles se dedicaram durante dois anos à luta contra a corrupção, um dos mais importantes papéis do Ministério Público Federal.”

Em seguida, ele completou:

“É um triste fim de gestão que mostra a importância de os presidentes da República escolherem bem os Procuradores-Gerais.”

VINGANÇA EM FAMÍLIA E NOVAS REVELAÇÕES PARA A LAVA JATO. Leia aqui
você pode gostar também