Moro deixa coletiva

Sergio Moro abandonou hoje pela manhã uma entrevista coletiva convocada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O ministro foi perguntado sobre o futuro do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo, alvo de Jair Bolsonaro em entrevista à Folha.

Moro ficou por apenas três minutos na entrevista em que falava sobre a 5ª fase da Operação Luz da Infância.

Ao ser perguntado sobre as declarações de Bolsonaro, ficou em silêncio e foi embora.

“O MAIOR GOLPE SOFRIDO PELA LAVA JATO.” Leia mais
você pode gostar também