Menage? Cido, Samuel e Suzy viverão juntos em O Outro Lado do Paraíso

Menage? Cido, Samuel e Suzy viverão juntos em O Outro Lado do Paraíso

Conforme já noticiamos aqui no TV Foco, a segunda semana de janeiro vai ser bem agitada na novela das nove O Outro Lado do Paraíso. Clara (Bianca Bin) vai conseguir, com a ajuda de Renata (Rafael

Leia tudo

Conforme já noticiamos aqui no TV Foco, a segunda semana de janeiro vai ser bem agitada na novela das nove O Outro Lado do Paraíso. Clara (Bianca Bin) vai conseguir, com a ajuda de Renata (Rafael Cardoso), armar um flagra e fazer Suzy (Elle Roche) pegar o marido Samuel (Eriberto Leão) na cama com Cido (Rafael Zulu).

O médico fará de tudo para a esposa não espalhar a notícia para a sociedade e lhe oferecerá uma “gorda pensão”. De início, a loira vai aceitar, mas logo depois será convencida por Clara a revelar a notícia para todos do hospital. “Eu não podia deixar você ser enganada a vida toda. Seu marido sempre teve vida dupla”, falará Clara.

“Marido não. Ex. Ex. Eu agradeço, Clara. Eu tava cega e me abriu os olhos. Mas tô com tanta raiva. Tenho vontade de explodir”, contará a enfermeira. “E daí? Explode. Se tem vontade de explodir, explode”, dirá Clara. “Assim ele não enganará mais nenhuma coitada como eu. Não brincará com os sentimentos de alguma outra mulher”, lamenta.

“Tem toda razão, Clara. Eu vou botar a boca no trombone”, concluirá a loira. “Hoje não tem plantão noturno? É ótimo saber que está tudo bem, enfermeira Suzana. Também é ótimo constatar que de agora em diante, teremos uma relação civilizada”, diz Samuel ao encontrá-la, e é aí que ela parte para a gritaria.

“Civilizada? Tigresa, tigrete! Meu marido é gay! Meu marido é gay! Gay, gay! Meu marido é gay! Esse ser, esse ser que vocês tão vendo, casou comigo só pra ter uma fachada. Eu, boba, nem desconfiava. Mas peguei ele de calcinhas com outro homem. Tigrão, tigresa, tigrete. O pior de tudo é que usava minha calcinha. Minha!”, dispara.

“É, ele roubava minhas calcinhas. Botava batom. É uma bilu bilu. Eu casei com uma bilu bilu. Esse ser vivia no armário. O pior é que demitiu o doutor Mariani. O radiologista, lembram? Porque era gay. Além de tudo, ela é má. Maléfica. É um gay com horror a gay. O tipo mais falso, mais amargo, que pode existir”, dispara.

“Eu casei com a bilu bilu! Casei. Eu casei com um tigrão que era tigrete”, continuará ela, fazendo com que ele saia correndo, em desespero. Enquanto isso, Clara observa tudo e ele a vê sorridente no canto do corredor. Mas a história dos dois não para por aí. Depois de separados, ele passará a morar com o amado, Cido, mas terá uma surpresa.

Ela aparecerá grávida e com as malas na mão de volta para a antiga casa, onde também mora a mãe do psiquiatra, Adnéia (Ana Lúcia Torre). “Vim morar aqui”, anuncia Suzy, para o desespero do casal gay. Mas ao saber que a loira está grávida, ele a aceita e fica feliz com a informação, iniciando uma nova fase no núcleo cômico.