Justiça aceita denúncia e Serra vira réu por corrupção e lavagem de dinheiro

Na tarde desta quarta-feira (29), a Justiça Federal de São Paulo aceitou denúncia oferecida contra o senador José Serra (PSDB-SP) por corrupção e lavagem de dinheiro.

O parlamentar e a filha, Verônica Allende Serra, agora são réus sob a acusação de receber dinheiro da Odebrecht para favorecer a empresa em contratos das obras do Rodoanel, em São Paulo.

Segundo o Ministério Público, Serra recebeu dinheiro da empreiteira entre 2006 e 2007, quando era governador de São Paulo.

Os valores teriam sido pagos no exterior por intermédio de José Amaramo Ramos e foram mantidos na conta de Verônica Serra ao menos até 2014.