Jornalista revela que Flamengo tentou a contratação de Jô, ex-Corinthians, antes de Balotelli

O Flamengo monitorou bastante o mercado do futebol e chegou a ter nomes certos na mira para reforçar o ataque da equipe, como deseja Jorge Jesus. O centroavante Jô, ex-Corinthians e atualmente no Nagoya Grampus, do Japão, foi um dos procurados. A equipe japonesa, no entanto, não aceitou sequer abrir conversas pelo atleta.

A informação inicial é do jornalista Jorge Nicola, através de seu blog no Yahoo Esportes. De acordo com o repórter, Jô se interessou pela procura do Flamengo, pois os valores eram vantajosos para o jogador. No entanto, o Nagoya vê o atacante como o principal atleta do elenco e cogita renovar o contrato do atleta, que termina em dezembro de 2020.

Nas últimas semanas, o Flamengo entrou em contato com a ideia de fazer uma proposta oficial para Jô, ex-Corinthians e Atlético-MG. A confirmação foi feita por uma pessoa muito próxima do Jô. Os números apresentados pelo Flamengo foram capazes de balançar o Jô, que hoje defende a camisa do Nagoya Grampus. Porém, não houve acerto, pois o Nagoya não quer se desfazer do seu principal jogador.

Jô tem 32 anos e foi campeão da Libertadores da América pelo Atlético-MG, em 2013, e do Campeonato Brasileiro pelo Corinthians, em 2005 e 2017. O jogador já teve seu nome ventilado no Flamengo em outras oportunidades. Os dirigentes cariocas têm monitorado o mercado e chegaram a cogitar nomes como de Diego Costa, Falcão Garcia, Pedro e Salomón Rondón, mas nenhuma negociação foi adiante.

O nome da vez trata-se de Mario Balotelli. O centroavante está sem clube desde julho deste ano. Por isso, mesmo com a janela de transferências internacionais fechada desde o último dia 31, o jogador poderia assinar com o Rubro-Negro. A negociação se arrasta já há alguns dias, mas o Fla vê com otimismo um desfecho positivo.