Jornal: Fla tenta se desfazer de Muralha, Vaz e Gabriel, mas alto salário assusta interessados

Jornal: Fla tenta se desfazer de Muralha, Vaz e Gabriel, mas alto salário assusta interessados

O Flamengo ainda não acertou nenhum reforço para a próxima temporada. Com pouco dinheiro para contratações, a diretoria tenta primeiro se desfazer de algumas peças do elenco para depois investir. S

Leia tudo

O Flamengo ainda não acertou nenhum reforço para a próxima temporada. Com pouco dinheiro para contratações, a diretoria tenta primeiro se desfazer de algumas peças do elenco para depois investir. Só que encontra uma enorme dificuldade para negociar alguns jogadores como Muralha, Rafael Vaz, Gabriel e Mancuello.

Segundo o jornal Extra, o interesse da cúpula é não contar com o quarteto para 2018. No entanto, a busca para encontrar novos destinos para esses atletas estaciona em um motivo: o alto salário dos jogadores, algo que assusta possíveis interessados. A publicação traz que os citados atletas recebem vencimentos entre R$ 200 mil e R$ 300 mil.

No caso de Muralha, muito criticado pela torcida, o camisa 38, já convocado para a Seleção Brasileira e titular absoluto no início do ano passado, se tornou carta fora do baralho. Diego Alves será o titular, com César e Thiago como suplentes. O garoto Gabriel Batista segue no grupo e será o quarto goleiro. Assim, Muralha jogará por outra equipe neste ano.


Na zaga, Rafael Vaz passa por situação parecida. Quarto zagueiro do elenco, deve perder o posto para Léo Duarte, promessa da base e que deve ser mais aproveitado no time profissional neste ano. Réver, Juan e Rhodolfo completam o setor, que pode ter a chegada de Pablo, ex-Corinthians, para a temporada.

Um dos principais reforços de 2016, Mancuello ainda não emplacou na Gávea. Contratado com muita expectativa, chegou recomendado por Muricy Ramalho, mas não conseguiu o mesmo protagonismo dos tempos de Independiente, quando foi convocado até mesmo para a seleção do seu país. Teve o nome ventilado no futebol mexicano, mas nada de oficial chegou à mesa rubro-negra.

Para fechar, Gabriel também não teve situação definida. No ano passado, o meia-atacante entrou na mira do Avaí, mas Zé Ricardo não liberou o jogador, considerado peça-chave pelo antigo treinador, com quem viveu a melhor fase na Gávea. É muito criticado pela torcida e também não deve continuar para a temporada de 2018.

Posts Relacionados