Jean Wyllys xinga Bolsonaro de fascista e homofóbico em jornal e judiciário recusa retratação

Jean Wyllys xinga Bolsonaro de fascista e homofóbico em jornal e judiciário recusa retratação

De acordo com o colunista Ancelmo Góis, a 47ª Vara Cível do Rio negou liminar do deputado Jair Bolsonaro pedindo que uma entrevista dada pelo também deputado Jean Wyllys ao jornal “O Povo”, de

Leia tudo

De acordo com o colunista Ancelmo Góis, a 47ª Vara Cível do Rio negou liminar do deputado Jair Bolsonaro pedindo que uma entrevista dada pelo também deputado Jean Wyllys ao jornal “O Povo”, de Fortaleza, fosse retirada do Youtube. Em vídeo, Wyllys chama Bolsonaro de fascista e homofóbico.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, o deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) afirmou nesta segunda-feira que não se arrepende de ter tentando cuspir em Jair Bolsonaro (PSC-RJ) durante a sessão na Câmara que aprovou a admissibilidade do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

– Cuspir num fascista é o mínimo que poderia fazer – declarou o deputado do PSOL.
Jean Wyllys xinga Bolsonaro de fascista e homofóbico em jornal e judiciário recusa retratação