Igrejas evangélicas no Amazonas escolhem candidatos oficiais para as próximas eleições

Muitas igrejas evangélicas do Estado do Amazonas resolveram escolher candidatos oficiais para concorrer às próximas eleições. Tendo apenas um candidato fica mais fácil definir os votos incentivando os membros dessas igrejas a votarem na mesma pessoa.

A atitude mostra que ao contrário das passadas os líderes religiosos já entenderam que mais vale um candidato eleito com muitos votos do que vários representantes na Câmara ou Assembleia Legislativa.

Entre as denominações que escolheram um candidato oficial está o Ministério Internacional da Restauração (MIR), liderado pelo apóstolo Renê Terra Nova. O candidato indicado por ele para ser vereador em Manaus é Marcel Alexandre que tentará a reeleição. Em 2008 ele foi eleito com 11.061 votos.

A Assembleia de Deus é a maior igreja no Amazonas em número de membros, tanto que atualmente tem seis vereadores em Manaus e 75 em outras cidades do interior. Para as próximas eleições o ministério já traçou as metas de votação e realiza seminários sobre legislação eleitoral para conscientizar a igreja.

Essas denominações muitas vezes usam trechos bíblicos para dizer que Deus interfere na política e incentivar os fiéis a votarem nos candidatos escolhidos pelos líderes religiosos. “Em primeiro lugar, procuramos o perfil da pessoa justa que a Bíblia fala”, disse A pastora Nídia Limeira de Sá, integrante da equipe de Renê Terra Nova.

Quem também menciona a Bíblia é o vereador Marcel Alexandre do PMDB, ele destaca a vida de Salomão que governou Israel por 40 anos e também citou trecho do livro de Samuel. “Aquele que domina com justiça sobre os homens, que domina no temor de Deus, é como a luz da manhã, quando sai o sol, como manhã sem nuvens, cujo esplendor, depois da chuva, faz brotar da terra a erva”.

Com informações D24am