Fundo Partidário é de direita?

A direita mundial reúne-se nesta sexta-feira em São Paulo, para o CPAC.

O evento é 100% financiado com dinheiro público.

Diz o Estadão:

“Vinculado ao PSL, o instituto Indigo vai arcar com todos os custos, sem patrocinadores. O Indigo é financiado com verbas do Fundo Partidário, ou seja, dos cofres públicos. No ano passado recebeu cerca de R$ 1,8 milhão. Este ano, com o crescimento do PSL, a expectativa é que o Indigo receba R$ 16 milhões. O presidente do instituto é Sergio Bivar, filho de Luciano.”

O Fundo Partidário é de direita?

Exclusivo: os pagamentos de bancos e outros gigantes a Lula e a campanhas do PT, segundo Palocci. CONFIRA