Esquerda em peso hoje no STF contra privatizações

Um grupo de 11 deputados do PT, PSB e PC do B vai hoje ao Supremo rediscutir com Cármen Lúcia a decisão de junho do plenário que facilitou a venda de subsidiárias das estatais.

Na ocasião, a maioria dispensou autorização do Congresso e licitação para a venda do controle acionário das empresas controladas pelas estatais.

O processo, porém, ainda pode voltar à pauta para uma decisão de mérito; em junho, o plenário decidiu sobre um pedido de liminar.

Ontem, Salim Mattar, secretário especial de Desestatização, disse que o governo pretende acelerar as vendas das estatais nos próximos meses.

“Muito em 2020, e mais ainda em 2021”, diz Mattar sobre privatizações

EXCLUSIVO: A DELAÇÃO COMPLETA DE PALOCCI. Saiba mais