Em Goiás, Caiado quer implodir ‘feudo’ da gestão Perillo

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), se prepara para “em breve” implodir o que ele considera um feudo do governo passado: trata-se de um contrato de 583 milhões de reais firmado com uma empresa terceirizada para vistoria veicular.

Assinado com o Detran local, o contrato passou a vigorar em 2015 e, em tese, tem validade de 10 anos. Está em estudo, porém, uma forma de rescindi-lo. Nos bastidores, interlocutores do atual governo dizem que “teve dedo” de Carlinhos Cachoeira nessa licitação — o bicheiro era muito próximo do ex-governador Marconi Perillo (PSDB).

Em maio último, Caiado determinou que a empresa reduzisse o valor cobrado pela vistoria: de 117 reais para 108 reais. Inicialmente, o Tribunal de Contas do estado contestou a decisão, mas acabou tendo que voltar atrás após pressão do governo e da sociedade.

À época, em nota, a empresa afirmou que a redução era “precipitada” e poderia causar “redução na qualidade dos serviços”.

A PF ESTÁ NA MIRA. SERGIO MORO TAMBÉM. Leia aqui
você pode gostar também