Conheçam Renan, o novo filho de Bolsonaro que entrará na política

Conheçam Renan, o novo filho de Bolsonaro que entrará na política

RIO - O sobrenome é conhecido por muitos. O rosto, nem tanto. Talvez por isso, criar uma página de figura pública no Facebook — com alcance maior do que um perfil pessoal — tenha sido uma

Leia tudo

RIO - O sobrenome é conhecido por muitos. O rosto, nem tanto. Talvez por isso, criar uma página de figura pública no Facebook — com alcance maior do que um perfil pessoal — tenha sido uma alternativa para o jovem Jair Renan Bolsonaro, de 19 anos. Essa exposição recente fez aumentar uma aposta antiga de quem tem contato com a família: a de que o estudante de Direito vai entrar para a política.Dessa forma, seguiria os passos do pai, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), e dos irmãos mais velhos, o deputado federal Eduardo, o deputado estadual Flávio e o vereador Carlos.

É certo, no entanto, que a possibilidade de entrada de mais um Bolsonaro na vida parlamentar não acontecerá na eleição deste ano. Embora o estudante já seja filiado desde março de 2016 ao PSC — partido que o pai está deixando para entrar no nanico PSL com o objetivo de concorrer à Presidência da República —, a idade mínima para concorrer a uma vaga de deputado é 21 anos.Enquanto não pode entrar de cabeça na vida política, Renan, como é chamado pelos mais próximos, usa sua rede social exclusivamente para exaltar o pai. Logo que criou a página, em março de 2017, o filho de Bolsonaro escreveu qual era seu objetivo na rede: “Eu, Jair Renan Bolsonaro, usarei essa página para propagar meus ideais e projetos. Por meio dela, me aproximarei de você, permitindo uma troca de ideias e pensamentos. #Bolsonaro #SomosTodosBolsonaro.”O sobrenome já lhe rendeu quase 16 mil seguidores. Um deles já perguntou: “Vai entrar na política também? Espero que sim!”. O estudante, no entanto, nunca responde.Na rede social, ele se apresenta como de direita e defende as mesmas opiniões do pai. Em março de 2017, por exemplo, exaltou mais um aniversário do golpe militar no Brasil: “Mais importante que nossas vidas, nossa liberdade. Salve 31/março/1964. Brasil acima de tudo! Deus acima de todos!”. Em agosto, o jovem postou uma foto do pai armado com a frase: “O cidadão armado é a primeira linha de defesa de um país.”


Renan morou com Bolsonaro depois que o deputado se separou da mãe do estudante, Ana Cristina Valle. Mas, depois que concluiu o ensino médio no Rio, o jovem foi morar com a mãe em Resende. Bolsonaro e os filhos não quiseram falar com a reportagem. Numa entrevista ao GLOBO em dezembro, Ana Cristina falou sobre o filho:— Por enquanto, a pretensão dele é seguir a carreira militar. Mas a política está no sangue, né. Ele gosta, eu também gosto muito. Por mim, seguiria... Ele faz Direito e está estudando para ingressar nas Forças.