Bolsonaro quer indicar evangélico para direção da Ancine

Jair Bolsonaro afirmou neste sábado que quer indicar um nome “terrivelmente evangélico” para a direção da Ancine.

“É Bíblia embaixo do braço, joelho ralado no milho e que saiba 200 versículos da Bíblia”, afirmou.

“É claro que é um certo exagero, mas eu sou um presidente conservador.”

Como publicamos, Bolsonaro e Osmar Terra afastaram ontem Christian de Castro Oliveira do cargo de diretor-presidente da Ancine.

Sergio Moro já estuda, reservadamente, o melhor momento para deixar o cargo. CONFIRA
você pode gostar também