Bolsonaro proíbe assessor internacional de comentar decisão do STF

Além de seus ministros, Jair Bolsonaro proibiu assessores de comentarem a decisão do STF que derrubou a prisão após condenação em segunda instância, informa Igor Gadelha na Crusoé.

O presidente chamou assessores para conversar e lembrou que alguns deles são alvos de inquérito no Supremo. Um dos convocados foi Filipe Martins, assessor especial para Assuntos Internacionais, bastante ativo nas redes.

Leia a reportagem:

Bolsonaro proibiu Filipe Martins de comentar decisão do STF

500 MIL REAIS PARA MATAR O ‘DR. JAIR’? Leia mais