Bolsonaro pedirá para comandantes de Polícia Militar sugestões para indulto

Jair Bolsonaro afirmou hoje que vai pedir para todos os comandantes de Batalhões de Polícia Militar do Brasil enviarem sugestões de policiais que poderão entrar no indulto que ele planeja conceder, informa o Globo.

“O indulto tem que estar enquadrado no decreto. Não é o que eu quero. Se tiver enquadrado no decreto, os policiais civis e militares, que sempre foram esquecidos, dessa vez não serão esquecidos. Nós oficializaremos a todos os comandantes de Polícia Militar, do Brasil todo, para que eles mandem uma relação com a justificativa. Não vai ser nada arbitrário.”

Bolsonaro negou que tenha recuado em uma promessa de que não faria mais indultos. Em novembro de 2018, já eleito, ele escreveu no Twitter que “se houver indulto para criminosos neste ano, certamente será o último.”

“Eu não estou recuando de posição nenhuma. É duro falar com vocês. Estou a ponto de acabar essa entrevista aqui. Tudo o que acontece é recuo. Você pode falar qualquer outra coisa e vai no sentido parecido. Sempre foram esquecidos. Agora, porque eu sou um capitão do Exército, eu vou esquecer esse pessoal que sempre esteve do meu lado? Não vou.”

A PF ESTÁ NA MIRA. SERGIO MORO TAMBÉM. Leia aqui
você pode gostar também