Aubameyang pode deixar Dortmund e ser comandado por italiano campeão do mundo

Aubameyang pode deixar Dortmund e ser comandado por italiano campeão do mundo

O grande destaque do Borussia Dortmund, Pierre-Emerick Aubameyang, é constantemente alvo dos gigantes europeus assim que a janela de transferências se abre. Porém, o destino do atacante gabonês pode

Leia tudo

O grande destaque do Borussia Dortmund, Pierre-Emerick Aubameyang, é constantemente alvo dos gigantes europeus assim que a janela de transferências se abre. Porém, o destino do atacante gabonês pode ser o futebol chinês, de onde já despertou interesse por parte do Tianjin Quanjian.

De acordo com o canal chinês Sina Sports, o Guangzhou Evergrande, antigo time de Felipão que hoje é comandado pelo ex-jogador Fabio Cannavaro, possui negociações avançadas para contratar o jogador e já possui um princípio de acordo para que Aubameyang seja mais uma estrela a jogar no continente asiático. Para isso, o clube está disposto a desembolsar 72 milhões de euros (cerca de R$ 279 milhões).

O ataque é o grande problema que Cannavaro detectou não apenas no seu clube, mas no futebol chinês. A exigência pela contratação de Aubameyang por parte do treinador também não é nova, já que o atacante do Dortmund já foi sondado e esteve perto de ser vendido ao Tianjin quando o ex-jogador italiano dirigia o time que assumiu após a demissão de Vanderlei Luxemburgo.

No futebol alemão, Aubameyang não passa pelos seus melhores momentos, assim como todo o time do Borussia Dortmund, que inclusive já trocou de treinador na temporada. Os rumores da imprensa dizem respeito a uma insatisfação do jogador pelas sucessivas negociações com gigantes europeus que acabaram fracassando, fazendo com que o presidente do clube relatasse o abatimento do gabonês.


Crédito da foto: Reprodução/Instagram Aubameyang