Após decisão de Gilmar, defesa de Flávio Bolsonaro desiste de HC na Justiça do Rio

A defesa de Flávio Bolsonaro apresentou ao Tribunal de Justiça do Rio pedido de desistência do habeas corpus que solicitava a anulação das provas obtidas no caso Queiroz, informa o Globo.

Os advogados argumentavam que houve desrespeito ao foro privilegiado, tese acolhida pelo Ministério Público do Rio, que apresentou parecer favorável ao recurso.

A desistência foi pedida depois que Gilmar Mendes acolheu reclamação da defesa de Flávio e determinou a suspensão de todas as investigações e processos relacionados ao caso Queiroz.

Com ou sem a desistência, a decisão de Gilmar já anularia o processo.

EXCLUSIVO — TOFFOLI: A DECISÃO… E A COINCIDÊNCIA