A união faz a força

A Época diz que índios inimigos estão se unindo contra o governo de Jair Bolsonaro. Na semana passada, caiapós reuniram na aldeia Kubenkokore representantes de 14 etnias indígenas para lutar contra o plano de exploração mineral de suas terras.

“As rixas do passado — que quase levaram um desses grupos ao extermínio — foram abandonadas em nome de um objetivo maior: lutar contra o que eles consideram ameaças do governo Jair Bolsonaro à Amazônia.”

Pelo menos, os índios pararam de se matar.

Autoridades e instituições que mais colaboraram na luta contra a corrupção no Brasil nos últimos anos estão cercadas. SAIBA MAIS
você pode gostar também